28 abril 2017

👤"Quando as luzes se apagam" (Lights Out)🎬

Oi, pessoal! 👋[Revendo aqui os rascunhos de post, vi esse post que tinha feito assim que acabei de voltar do cinema, quando assisti esse filme e fiquei chocada que não tinha liberado ainda, faz tempo, whoah! haha então aqui está] 💙. Eu acabei de voltar do cinema e tive que vir aqui correndo falar sobre esse filme que, sério, me deixou LOUCA dentro da sala. 💀
Título Original: Lights Out
Ano: 2016
Gênero: Terror - Fantasia
Faixa etária: 14 anos
Duração:1h21min
Direção: David Sandberg


Sinopse:
Desde que era pequena, Rebecca tinha uma porção de medos, especialmente quando as luzes se apagavam. Ela acreditava ser perseguida pela figura de uma mulher e anos mais tarde seu irmão mais novo começa a sofrer do mesmo problema. Juntos eles descobrem que a aparição está ligada à mãe deles, Rebecca começa a investigar o caso e chega perto de conhecer a terrível verdade.

Esse filme me deixou muito feliz por vários motivos. Tá, feliz? Mas é um filme de terror, né? Como assim feliz? Eu fiquei feliz pelo fato de eu ter reconhecido na hora quem poderia ser o diretor, apenas pela fonte do título e pelo próprio título. Eu estava achando que podia ser o David Sandberg. Ano passado eu conheci o canal dele no Vimeo e pude assistir "Lights Out", um dos muitos curtas de terror que ele produziu com Lotta Losten (sua esposa). E não é que no começo do filme estava ela lá fazendo participação? Quase morro de empolgação, só com isso o filme já prometia, se com vídeos pequenos de menos de 5 minutos, eles conseguem fazer a gente sentir uma tensão do baralho, imaginem em um longa, foi isso que pensei.


O filme já começa com aquele quê de tensão, horror e suspense quando o dono de uma empresa de tecidos recebe a ligação do filho que estava com medo da mão por ela estar falando sozinha. A mãe apresenta problemas psicológicos e o pai tenta encontrar uma solução e ligar para um especialista, enquanto isso, sua funcionária (interpretada por Lotta Osten) começa a perceber uma presença sempre no escuro (é nessa parte que entra a questão do curta, ela faz um papel bem parecido com o que fez no curta, ela fica acendendo e apagando as luzes e checando se o que via era real.

Você já começa a ficar tensx desde o começo do filme, é um suspense sem fim, de verdade. O filme todo vai mostrar o pesadelo de um menino e sua irmã ao tentar livrar a mãe das garras de sua "insanidade". A mãe, por outro lado, precisa de ajuda e há uma entidade que a usa de todas as maneiras, pois precisa dela para existir e essa entidade apresenta um medo: a claridade. Então, tudo no filme acontece no escuro, mesmo de dia.


Rebecca é a filha mais velha e a personagem que vai tentar mudar a situação, ela se comove com o sofrimento do irmão e se vê nele quando era criança, as coisas que via, sentia e sofria. Eles enfrentam vários problemas, ela tenta fazer com que sua mãe tome os remédios ou visite o terapeuta, mas fica difícil quando a entidade fica rondando sua mãe todo o tempo e não a deixa em paz por mais de alguns minutos. O que essa entidade não quer, é que a mãe de Rebecca fique boa.


O filme é cheio de tensão e suspense e te deixa literalmente arrepiadx do começo ao fim. Os sustos, o enredo, a fotografia, os cortes de cena, tudo dá aquela sensação enervante que um filme de suspense de vergonha deveria dar. Não sei se a sensação que o filme me deu se dá ao fato de eu ter assistido no cinema e isso intensificar minhas emoções, mas sinceramente, foi foda. E amei os personagens, o enredo, o mistério e o porquê das coisas estarem acontecendo daquela forma.


O filme deixou um gostinho de quero mais que eu adorei e deixou margem para uma possível continuação, se eles acharem que assim cabe à franquia. Eu sinceramente gostei muito e acho que basicamente todo mundo no cinema ficou arrepiado e querendo mais.

É bem difícil assistir filmes de suspense e fantasia que sejam tão bons quanto esse foi e olha que eu sou suspeita pra falar, pois adoro trabalho do Sandberg, mas também conheço bastante de filme de suspense e terror, pois já assisti centenas e sei reconhecer um bom quando assisto.


Fica aí a recomendação de um filme de terror, suspense e fantasia que super me deixaram com vontade de mais para você que curte o gênero.



Isso é tudo, pessoal!❤💥💀👻🎬 
[Desculpem pelo texto mal formatado, eu tentei de tudo para fazer as imagens ficarem direitinhas e certinhas, mas não deu, gente.]

FanpageTwitterInstagramYoutubeSkoobTumblr ♥ Snapchat: micaelasramos

Comente com o Facebook:

2 comentários:

  1. Foi bom de ter visto um curta se tornar um filme de longa duração. O filme é bem legal mesmo, rendeu vários sustos hehe

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Siiiiim! Só lembrei da gente assistindo o curta pela primeira vez em 2015 aaaahhh AHUAHSA ♥

      Excluir

Fortaleza, 23 anos, ariana, intensa, impulsiva, passional, empática, feminista, louca, estranha, artista, livre, mente aberta. Música, cinema, fotografia, artes, natureza são minhas paixões. Uma pequena mulher com grandes planos de se aventurar pelo mundo.

 

Wanderlust ©2013-2017. Todos os direitos reservados.

Design, Layout e Programação por Micaela Ramos.

----Voltar ao Topo----