17 junho 2015

"Red Hill", Jamie McGuire

"Red Hill"
Jamie McGuire
Brochura, 350 páginas, 2015, ISBN: 9788576863380
Links: Skoob - Goodreads - Amazon

Sinopse:
Para Scarlet, cuidar de suas duas filhas sozinha significa que lutar pelo amanhã é uma batalha diária. Nathan tem uma mulher, mas não se lembra o que é estar apaixonado; a única coisa que faz a volta para casa valer a pena é sua filha Zoe. A maior preocupação de Miranda é saber se seu carro tem espaço suficiente para sua irmã e seus amigos irem viajar no fim de semana, escapando das provas finais da faculdade.  Quando a notícia de uma epidemia mortal se espalha, essas pessoas comuns se deparam com situações extraordinárias e, de repente, seus destinos se misturam. Percebendo que não conseguiriam fugir do perigo, Scarlet, Nathan, e Miranda procuram desesperadamente por abrigo no mesmo rancho isolado, o Red Hill. Emoções estão a flor da pele quando novos e velhos relacionamentos são testados diante do terrível inimigo – um inimigo que já não se lembra mais o que é ser humano. O que acontece quando aquele por quem você morreria, se transforma naquele que pode lhe destruir? Red Hill prende desde a primeira página e é impossível deixa-lo até o final surpreendente. Este é o melhor da autora Jamie McGuire!
Foi no #MochilãodaRecord que eu caí de amores à primeira vista com esse livro. Simplesmente não pude desgrudar os olhos dele desde quando ouvi a sinopse e adivinhem? EU O GANHEI NO EVENTO! hahaha ♥

Assombroso. Impactante. De tirar o fôlego.

Red Hill é um livro completamente diferente, primeiro que ele sai totalmente da linha de gênero que a Jamie sempre escreveu, amei o fato dela se aventurar no mistério, thriller e sci-fi! <3 Imagine-se em casa, ou no trabalho ou em qualquer lugar, levando sua rotina normal como sempre faz quando, de repente, começam a sair anúncios nos jornais que pessoas estão contaminadas com um vírus altamente contagioso e que estão atacando uns aos outros? É exatamente isso que acontece. A história vai ser narrada a partir de três pessoas totalmente diferentes: Scarlet (um radiologista, mãe de Jenna e Halle), estava no trabalho e separada de suas filhas no momento que o vírus explodiu e contaminou várias pessoas; Nathan (trabalhador, marido e pai comum, que sofre com um casamento infeliz, uma esposa mais infeliz ainda com a situação e uma filha muito fofa e inteligente, Zoe), no começo do apocalipse ele estava saindo do trabalho e indo buscar sua filha na escola; Miranda (uma estudante rica, filha de um médico radiologista, irmã de Ashley e namorada de Bryce), estava no trânsito com o namorado, irmã e seu namorado, a caminho do rancho de seu pai, o Red Hill. Pode parecer que não, mas o caminho dessas pessoas parecia já estar traçado. A história contada a partir dessas três pessoas vai contar o que elas passam e veem enquanto procuram um lugar seguro para ir. Acontece de os 3 irem parar sob o mesmo teto, não apenas eles como as pessoas que estavam com eles. Depois de muito sofrerem e verem mortes acima e abaixo, eles vão ter de lidar com a espera, dor, perda, angústia e a incerteza de uma possível cura no futuro. A rapidez com a qual as coisas acontecem te deixa sem fôlego e você fica no "só mais um capítulo" até terminar o livro.

Os personagens desse livro são BEM REAIS, você sente empatia, como se você pudesse estar no lugar deles, na situação deles, a qualquer momento. Minha personagem preferida é a Scarlet, ela é lutadora, forte e muito esperta, perfeita para conseguir sobreviver a um apocalipse zumbi. Nathan também é meu personagem favorito, com o jeito manso dele e a disposição para ajudar, eu não abriria mão de ter ele e Scarlet ao meu lado. Todos os personagens principais se relacionam entre si e acabam desenvolvendo uma forma de laço amigável ideal para a sobrevivência, são personas fortes e crescem muito de acordo com a narrativa.

O design do livro é muito forte e representa totalmente o livro. O modo como eu imagino o rancho é diferente de como é apresentado na capa, mas ainda assim é bem representativo, só pelo fato da estrada de terra vermelha estar ali presente com uma casa de rancho ao fundo já é sensacional, passa toda a vibração da história. A folha é pólen e você consegue ler cada página em um minuto, aproximadamente. A leitura é tão boa que você só assiste ao filme acontecendo na sua cabeça, nem percebe que está lendo, é perfeito demais. 

Recomendo a quem gosta de ficção, eu não considero sobrenatural porque é deixado bem claro que as pessoas estão doentes, que é um vírus que se espalha. Quem gosta de sangue e romance também é uma ótima pedida. A partir de 17 anos hein, gente? Contém partes picantes! <3 hahahaha


Isso é tudo, pessoal!
Beijos da Mica:*

Fanpage ♥ Twitter ♥ Instagram ♥ Youtube ♥ Skoob ♥ Tumblr

Comente com o Facebook:

2 comentários:

  1. Oiee ^^
    Aah, como eu quero esse livro. Estou de olho desde antes do lançamento, mas tenho tanta coisa aqui para ler que não posso comprar mais nada *-* Não sou muito fã de sangue, mas pela Jamie eu abro uma exceção, porque, afinal, é a Jamie ♥
    MilkMilks
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiiiii!
      Esse livro é perfeito demais, sem sombra de dúvidas.
      JAMIE É JAMIE ♥

      Beijos :*

      Excluir

Fortaleza, 22 anos, ariana, potterhead, narniana, whovian, shadowhunter e muitas outras atribuições. Livros, música, cinema, fotografia, artes, geekices e nerdices são minhas paixões. Uma pequena garota com grandes planos de se aventurar pelo mundo.

 

Wanderlust ©2013-2017. Todos os direitos reservados.

Design, Layout e Programação por Micaela Ramos.

----Voltar ao Topo----